Microfone: técnicas para usá-lo de forma eficaz

Microfone: técnicas para usá-lo de forma eficaz

Usar o microfone da maneira correta não é fácil. Isso porque, há vários fatores externos que podem interferir no resultado. Mas, para facilitar esse processo, conheça algumas dicas que podem te ajudar. 

Quais são os quatro principais tipos de microfone? 

O microfone dinâmico é um dos tipos mais simples que existem. Desse modo, ele é muito usado em gravações, apresentações, transmissões e mais. Além disso, vale citar que ele é robusto, tem alta durabilidade e lida bem com pressão sonora. 

Um ponto interessante é que eles são ótimos para captar amplificadores de guitarra e outros instrumentos musicais em locais com alto volume. Mas, caso ele não seja o seu estilo, pode investir em outros, como:

  • condensador: sensível e costuma ser usado em estúdio;
  • lapela: pequenos e discretos, ficam presos a roupa;
  • shotgun: usados para capturar o som de uma área específica.

Cada um deles possui vantagens e características únicas. Então, na prática, o ideal será aquele que combinar melhor com o seu objetivo. Mas, vale citar que há técnicas padrão para usá-los com eficácia e assim, melhorar os resultados. 

Microfone: técnicas para usá-lo de forma eficaz
Grande parte das apresentações o microfone dinâmico. Imagem do site Super Beatbox.

Quais as melhores técnicas para usar o microfone de forma eficaz?

O primeiro passo para usar o microfone de forma eficaz é ver se ele está em uma distância adequada da foto sonora. Desse modo, antes de se apresentar, não esqueça de realizar este teste. Além disso, é importante:

  • reduzir os ruídos;
  • avaliar o melhor ângulo;
  • manusear de forma adequada.

Faça a configuração da sensibilidade de acordo com a sua meta. Mas, cuidado para não deixá-lo muito alto. Afinal, caso isso aconteça, a voz pode ficar distorcida o que vai interferir no resultado.  

Busque sempre falar com clareza e de forma articulada. Então, de forma natural, o objeto vai conseguir fazer entregas do mesmo nível. Contudo, claro que para isso, ainda será preciso investir nas técnicas anteriores citadas. 

Microfone: técnicas para usá-lo de forma eficaz
Com o tempo, usar o microfone da forma correta, será algo natural. Imagem do site Super Beatbox.

Redução de ruído

Evite tocar no cabo ou na parte sensível do objeto. Isso porque, ao realizar essa ação, você pode criar selo ruídos indesejados. Além disso, uma boa dica é investir filtro pop para diminuir a captação da sua respiração. 

Melhor ângulo

A maioria dos modelos de microfones exige que você aponte a peça direto para a fonte sonora. Mas, isso pode variar em alguns casos. Então, o ideal é testar com antecedência para descobrir o melhor ângulo. 

Manuseio adequado

Para conseguir reproduzir um bom som, é preciso segurar na peça de forma firme. Além disso, tenha cuidado para não esfregá-la durante a gravação. Afinal, caso isso aconteça, vai criar ruídos desconfortáveis. 

Caso você queira aprender de uma forma prática e fácil, conheça a Super Beatbox. Empresa cujo foco é valorizar as notas musicais emitidas com a boca. Assim, ela vai te ensinar a controlar as cordas vocais e a usar o objeto de forma perfeita. 

Compartilhe esse post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia mais sobre Beatbox

Sem mais conteúdo.